Histórico

Uma casa longe de casa.

Com o desenvolvimento do GRAACC (Grupo de Apoio ao Adolescente e a Criança com Câncer) no tratamento do câncer infanto-juvenil, foi detectada a necessidade de construir uma casa para fornecer alojamento temporário gratuito para aqueles pacientes (e família) que necessitam continuar o tratamento em São Paulo, de forma ambulatorial, e que não vivem na cidade.

Em novembro de 1993, foi inaugurada a Primeira Casa de Apoio ou Casa da Família do GRAACC, ao lado do Hospital, na Rua Botucatu, 733. Com o aumento da demanda e buscando atender a um maior número de pacientes e suas famílias, foi inaugurada a Casa Ronald McDonald SP Moema, em 12 de abril de 2007, oferecendo hospedagem, alimentação, transporte e suporte biopsicossocial, visando um tratamento integral e humanizado, envolvendo as famílias, e usando ferramentas que atuem como agentes transformadores na vida das pessoas atendidas.

A Casa Ronald McDonald SP Moema integra o programa internacional da Ronald McDonald House Charities (RMHC) e, em São Paulo sua estrutura é mantida pelo INSTITUTO RONALD McDONALD (fundado em 8 de abril de 1999), em parceria com o GRAACC e com o apoio de colaboradores e voluntários envolvidos na causa.

Desde sua fundação, a CASA já atendeu mais de 609 crianças e adolescentes.

 

Como surgiu a Casa Ronald McDonald

1969, Filadélfia, EUA.

Como a maioria dos projetos sociais, a CASA RONALD McDONALD foi criada a partir de uma história de necessidade e superação. Detectada a doença em sua filha de dois anos, Fred Hill, jogador do Philadelphia Eagles, mobilizou-se envolvendo inclusive a comunidade, de forma a conseguir recursos para custear o tratamento. Durante o tratamento, Fred tomou conhecimento do projeto sonhado pela Dra. Audrey Evans, chefe dos hematologistas/oncologistas infantis do Children’s Hospital, de construir uma casa perto do hospital para fornecer alojamento temporário às famílias de pacientes com câncer. Ele contatou, então, o gerente de uma loja McDonald local, e acordaram que, no dia da festa de São Patrício, parte dos rendimentos da loja, seriam doados para comprar uma casa de apoio às crianças.

A partir desta data, a REDE McDONALD abraçou a causa e o projeto foi se expandindo para vários países.

 

A Casa Ronald McDonald no BRASIL

A primeira Casa Ronald McDonald no Brasil também teve origem no desejo de uma família que, mesmo no luto da perda, voluntariou-se, abraçando a causa e, a convite da direção do INCA (Instituto Nacional do Câncer) implantou, em suas instalações, uma sala de recreação baseada no play-room do hospital americano. Em 1991, a rede McDonald’s ofereceu a renda do McDia Feliz ao INCA, para a área de pediatria e, em 5 de dezembro de 1992, foi fundada a Associação de Apoio à Criança com Neoplasia (AACN-RJ).

Em junho de 1993, a rede McDonald’s realizou outro McDia Feliz e, desta vez, a arrecadação do evento foi doada para a AACN-RJ a fim de apoiá-la na implantação de uma Casa de Apoio. Em 24 de outubro de 1994, foi inaugurada a primeira Casa Ronald McDonald na América Latina, a 162ª no mundo, presente em mais de 51 países. Atualmente já existem no Brasil, 6 casas funcionando.

Conheça mais: www.rmhc.com | www.instituto-ronald.org.br